segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Grupo é preso suspeito de fraudar revenda de carros e imóveis na Paraíba

Quatro pessoas foram presas em Campina Grande, suspeitas de fraudes com documentos e revenda de veículos e imóveis. O grupo foi localizado nesta segunda-feira (14), por meio da operação Check Out, da Polícia Civil, que investiga a participação deles em vários crimes, como o de estelionato.


De acordo com a polícia, o grupo é suspeito de falsificar documentos públicos em cartórios para se passar por dono de bens que, depois das fraudes, eram revendidos, como carros locados e imóveis. A polícia constatou que eles teriam utilizado cheques fraudados, veículos clonados e várias outras irregularidades.

A Polícia Civil informou que os suspeitos poderão ficar presos por até 31 anos , pelos crimes de estelionato, formação de quadrilha, falsidade documental (na modalidade de falsificação de selo ou sinal público), falsidade documental (na modalidade falsificação de documento público), falsidade ideológica, adulteração de sinal identificação de veículo automotor, receptação e ameaça.

Segundo a polícia, mais pessoas suspeitas de participação nessa quadrilha poderão ser presas a qualquer momento.

FONTE: Portal Correio
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário