Ministro defende a renúncia de Dilma, de Michel Temer e de Eduardo Cunha

sábado, 17 de outubro de 20150 comentários


A renúncia da presidente Dilma Rousseff, do seu vice Michel Temer e do presidente da Câmara Federal, Eduardo Cunha, está sendo defendido pelo ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF). Para ele, no entanto, precisa acontecer de uma forma “não traumática”.


O ministro Marco Aurélio vê como uma forma do país superar a crise: “Falo isso como cidadão e em uma perspectiva utópica, já que seria algo impensável para os atuais detentores dos pobres”, disse ele.

No entendimento do ministro, “o mal maior, a crise econômica, está sendo deixada em ‘segundo plano’ por interesses políticos”, concluiu ele em nota veiculada na coluna Painel, da Folha de São Paulo.

Folha de São Paulo
Compartilhe esta notícia :

Postar um comentário

ÚLTIMAS VISITAS

WHATSAPP CZAGORA

WHATSAPP CZAGORA

Seguidores

TV DIÁRIO DO SERTÃO

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2013. Cz Agora - Todos os Direitos Reservados
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger