segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Papa ataca sociedade que persegue 'curtidas' e 'seguidores' em redes sociais


Em um discurso neste domingo (27) a bispos que participam do VIII Encontro Mundial das Famílias, na Filadélfia, o papa Francisco lamentou que muitas pessoas se contentem em conquistar "curtidas" e mais "seguidores" nas redes sociais.



Durante seu pronunciamento, realizado no seminário São Carlos Borromeo, o Pontífice falava da "grande ferida" produzida por uma sociedade que reduz todos a "consumidores". Em determinado momento, Jorge Bergoglio disse que uma das principais raízes da "pobreza" de tantas situações contemporâneas reside na "solidão radical" à qual muitos indivíduos são forçados.



"Perseguindo uma 'curtida', perseguindo o aumento do número de 'seguidores' em uma rede social qualquer, assim as pessoas seguem a proposta oferecida por essa sociedade contemporânea. Uma solidão que teme o compromisso, em uma busca desenfreada por sentir-se reconhecido", afirmou.



Após três dias de viagem por Cuba e cinco pelos Estados Unidos, Francisco embarca de volta para o Vaticano neste domingo, após encerrar o VIII Encontro Mundial das Famílias.

Uol
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário