segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

Assessoria do PSDB vai recorrer de condenação a Cássio

ESCUTE ESTA NOTÍCIA:


Cunha Lima foi condenado por conduta vedada pelo TRE com base na lei 9.504, de 1997, por ter aplicado, no ano eleitoral de 2006, R$ 22 milhões em propaganda oficial, 400% a mais que o investido no primeiro ano de mandato, e por abuso de poder político.

A assessoria jurídica do PSDB no Senado informou que recorrerá da multa de 100 UFIRs (R$ 106 mil) aplicada ao senador Cássio Cunha Lima pelo TRE da Paraíba e confirmada pelo TSE na semana passada, por gastos excessivos com publicidade quando o parlamentar era governador, em 2006. “A decisão monocrática da ministra Maria Teresa, da qual ainda cabe recurso, apenas aplicou uma multa em razão de reconhecer a prática de conduta vedada que não importa ato criminoso”, diz a nota.

Cunha Lima foi condenado por conduta vedada pelo TRE com base na lei 9.504, de 1997, por ter aplicado, no ano eleitoral de 2006, R$ 22 milhões em propaganda oficial, 400% a mais que o investido no primeiro ano de mandato, e por abuso de poder político.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial