sábado, 13 de julho de 2013

Parentes de estuprador indiano tentam cortar língua de vítima para evitar depoimento dela

Reprodução/Times of India

Ansa

Apesar do ataque, médicos afirmaram que a vítima não perdeu a língua

Parentes de um indiano acusado de estuprar uma jovem de 19 anos foram presos quando tentavam cortar a língua da vítima, a fim de impedir que ela testemunhasse contra seu primo.

O caso teria ocorrido na última quarta-feira na vila imdiana de Uttar Pradesh, como publicou o jornal local The Times of India, nesta sexta-feira (12).

Os médicos que atenderam a jovem concluíram que ela sofreu "apenas" um corte de 2,5 cm ao redor da língua.

O indiano Lavlesh, de 20 anos, está preso diante da acusação de estupro coletivo — ele teria violentado a jovem na companhia de outros dois rapazes que não foram encontrados. Ele será julgado em 24 de julho.



Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial