quinta-feira, 7 de março de 2013

Torcedores agridem jogadores do Palmeiras no aeroporto em Buenos Aires

Prestes a embarcar de volta para o Brasil, os jogadores do Palmeiras sofreram agressões de torcedores no aeroporto em Buenos Aires, na Argentina. Os atletas estavam sentados aguardando o horário do embarque quando foram abordados por alguns palmeirenses revoltados com a derrota por 1 a 0 para o Tigre na última quarta-feira pela Libertadores.

Segundo o Lancenet!, os torcedores são membros da torcida organizada Mancha Alviverde e os alvos das cobranças foram principalmente Wesley e Valdivia. Assim que encontraram os atletas, os palmeirenses começaram a gritar para o meio-campista: "Você não está jogando nada, tem que honrar a camisa, p..."

No caso do chileno, a revolta foi ainda maior. Os torcedores avistaram o meia tomando café em uma lanchonete e partiram para cima dele, quebrando copos e o que viam pela frente. Os seguranças até tentaram apartar, mas a confusão foi generalizada e um pedaço de vidro chegou a atingir o goleiro Fernando Prass, que estava próximo e acabou sofrendo um corte na cabeça.

Ainda segundo o Lance!, o goleiro recebeu pronto-atendimento do médico Rubens Sampaio, enquanto gotas de sangue respingavam no chão. Acuado, Valdivia correu para o banheiro escoltado por seu segurança e ficou apenas observando, sem se manifestar contra os torcedores.


 Por ESPN.com.br- espn.com.br
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário