sexta-feira, 1 de março de 2013

Idosa deixa herança de R$ 26 milhões para vizinha que levava pão e leite para ela

Betty Harris, de 95 anos, que morreu viúva e sem filhos em 2009, deixou toda a sua fortuna avaliada em R$ 26 milhões, para Beatrice Gray que cuidava dela, num bairro nobre de Sydney, na Austrália.

A vizinha ajudava com várias tarefas diárias, como levar pão e leite e tirar o lixo para a amiga.

Gray contou ao “Daily Telegraph” que se sente “muito grata a Betty Harris”.

Betty já havia mostrado a intenção de deixar seu dinheiro para Beatrice e o marido porque eles não esperavam, além de não confiar nos sobrinhos. “Estou determinada a fazer com que os meus parentes, depois do que me fizeram passar, não fiquem com um centavo”, teria dito a idosa.

No início a fortuna de Betty seria destinada aos sobrinhos, que atualmente lutam pelo dinheiro na Justiça.

Em 1996, Betty fez um testamento para a sobrinha Caralie Hart, só que ela mudou de ideia quando ficou sabendo que a jovem queria interná-la numa casa de repouso e nomear um representante para assumir o controle das finanças.

A idosa não conseguiu controlar as finanças por conta de uma série de medidas legais, e teve que pedir um empréstimo à vizinha. Beatrice e seu marido ajudaram a Betty a pagar as contas do carro, organizar as finanças e conseguiram garantir que ela não fosse “roubada”.

Durante uma audiência do processo, foi revelado que Betty não tinha contato com os sobrinhos e sobrinhas. Ela disse a funcionários do hospital, em 2005, que não falava com eles há 13 anos.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário